Cônsul Junius Bassus

Cônsul Junius Bassus


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.


Arte cristã ocidental inicial durante os séculos III, IV e V: escultura e artes industriais

A maior parte das esculturas do cristianismo primitivo destinava-se a servir a um propósito funerário. Esta arte funerária cristã primitiva nasceu no século III e se desenvolveu paralelamente às pinturas das catacumbas, alcançando sua maturidade estilística e técnica durante o período imperial dos & # 8220Tetrarcas & # 8221 e durante o tempo de Constantino. A iconografia da escultura funerária cristã primitiva começou com imagens do Bom Pastor, um tema funerário clássico, e A Oração (também conhecida como Orans, Orant ou Orante). Essas duas imagens frequentes foram subsequentemente acompanhadas por cenas de Cristo como Mestre (um reflexo da antiga imagem do filósofo clássico), imagens da Salvação (como a história de Jonas) e cenas inspiradas no Antigo Testamento.

Sarcófago com o tema do & # 8220Bom Pastor & # 8221, em que as alusões cristãs são indiretas: três imagens do Bom Pastor (a central sobre um pedestal com grifos e o tripé de Apolo) e uma multidão de cupidos colhendo videiras , semelhantes aos dos mosaicos de Santa Constanza (Museus do Vaticano).

Do estágio inicial desta escultura funerária cristã primitiva, temos três sarcófagos: o de Brignoles la Gayole (França), o sarcófago da Via Salaria (Letran, ca 121) e o de Santa Maria Antiqua. As esculturas desses sarcófagos apresentam uma & # 8220 distribuição paisagística & # 8221 dos temas, mas desde a época de Constantino, os temas eram estruturados em um friso contínuo. Nestes frisos, justapostos em uma ou duas tiras, cenas do Antigo Testamento foram misturadas com cenas do Novo Testamento. Às vezes, o retrato do falecido era representado no centro, dentro de uma concha conhecida como imago clipeata * (Latim para & # 8220 retrato emoldurado & # 8221). O estilo usado nesses sarcófagos define um período & # 8220impressionista & # 8221 muito semelhante ao estilo usado nos relevos do Arco de Constantino, um estilo que mais tarde evoluiu para o chamado & # 8220 belo estilo & # 8221 ou & # 8220estilo justo & # 8221 do final do reinado de Constantino & # 8217 e no início da segunda metade do século IV. Deste período conhecemos belas peças como o sarcófago de Adelfia em Siracusa, o conhecido como & # 8220Dogmático & # 8221 do Museu de Latrão, o dos Dois Irmãos e o sarcófago do cônsul Junius Bassus, do ano 359, que introduziu cenas da Paixão de Cristo. Este último sarcófago é a peça mais bem conservada desse estilo pós-Constantiniano, onde já se observa a divisão das cenas em pequenas colunas, ordenação arquitetônica característica dos últimos dias do reinado de Constantino e da época de Teodósio.

O sarcófago dogmático (Museus do Vaticano), assim chamado por causa de sua sutileza teológica que traça um paralelo entre as cenas do registro superior (julgamento de Salomão, Adão e Eva, o milagre das bodas de Caná, a multiplicação do pão e dos peixes, e ressurreição de Lázaro) e registro inferior (adoração dos Magos, cura dos cegos, Daniel entre os leões, Pedro e o galo, Pedro preso e Pedro batizando Cornélio). Sarcófago dos & # 8220Dois Irmãos & # 8221 (Museus do Vaticano), assim chamado porque na concha central que simboliza o batismo há dois retratos de grande semelhança: o homem mais velho, careca, carrega o rolo das Escrituras enquanto o jovem se apóia nele confiando em sua doutrina. Detalhe do sarcófago de Junius Bassus cônsul de Roma, que morreu no ano de 359 (Museu da Basílica de São Pedro e # 8217s, Cidade do Vaticano). Pertence ao tipo de sarcófagos contendo cenas entre colunas e arcos baixos. Esta cena em particular retrata a entrada de Cristo em Jerusalém, uma das cenas mais antigas da arte cristã, e ainda transmite a tradição clássica e o gosto helenístico pelo meio ambiente (aqui representado pela árvore), embora as folhas sejam fortemente esculpidas com trépano indicando a chegada da nova técnica que será aprimorada pela arte bizantina: o jogo entre luz e sombras.

A partir da segunda metade do século IV, a iconografia mudou e o tema da Paixão de Cristo tornou-se muito importante. Surgiu um tipo de escultura que dividiu cenas usando elementos arquitetônicos, essas cenas contêm temas e símbolos relativos à Paixão. Muitas vezes, o centro do sarcófago era ocupado pela Cruz triunfante coroada de flores, ou por uma imagem alusiva ao Colégio Apostólico - Os 12 Apóstolos, A Igreja- recebendo a lei das mãos de Cristo. Deste período e estilo é o sarcófago extraordinário de Milão do final do século IV.

Sarcófago com cenas da Paixão (Museus do Vaticano), este tipo de sarcófago exibe entre as colunas cenas de Cristo carregando a cruz, o coroado de espinhos, e Cristo diante de Pilatos que lava as mãos. No centro, a cruz com coroa de flores e o anagrama grego de Cristo. Este tipo de sarcófago, comum na segunda metade do século IV, contrasta com o sarcófago do & # 8220Bom pastor & # 8221 mostrado acima.

Em Roma estavam localizadas algumas importantes oficinas oficiais de escultura que exportavam esculturas e estilos escultóricos para a Espanha. Após o saque de Roma em 410, Ravenna se tornou um importante centro para a escultura cristã primitiva devido ao fechamento e desaparecimento das oficinas escultóricas romanas. Os sarcófagos produzidos em Ravenna eram caracterizados por seus gorros semicilíndricos e eram adornados com uma infinidade de símbolos na frente das figuras que foram amplamente distribuídos nos séculos V e VI. O encerramento das oficinas de escultura romana promoveu o aparecimento de várias outras em todo o império. Entre eles, merecem destaque as oficinas de Arles na Provença, fiéis ao estilo ditado pelas oficinas romanas e cuja produção de sarcófagos era abundante e amplamente distribuída. Os estúdios de Cartago e Tarraco também foram importantes centros de produção de esculturas durante o século V.

Folha de marfim de um díptico cristão (século V), representando Adão no Paraíso (Museu Nacional Bargello, Florença).

O mais belo conjunto de primeiros cristãos artes industriais * é constituído por marfins. O chamado consular dípticos * do final do século IV, com retratos e nomes de magistrados, são numerosos e são uma das mais ricas fontes conhecidas de artes industriais do final do período imperial romano. Exemplos desses marfins são as peças das placas romanas dos marfins de Nicômaco e Simcus. Os três centros imperiais de produção desses marfins foram Roma, Milão e Ravenna, unidos pelos centros orientais de Alexandria, Síria e Constantinopla. O díptico com Adão entre os animais e a Pregação de São Paulo na ilha de Malta (Museu Bargello, Florença) são um dos poucos exemplos sobreviventes de temas cristãos antigos. As oficinas de Milão produziram os melhores marfins de estilo neoclássico, volumes rotundos e formas perfeitas, semelhantes aos sarcófagos da segunda metade do século IV. Este estúdio de Milão produziu o caixão Brescia ou & # 8220lipsanotheca Brescia & # 8221 (entre 330 e 360). Este magnífico marfim contém cenas de ambos os Testamentos, combinadas com medalhões com cabeças dos apóstolos, e é considerado uma das obras-primas do & # 8220renascimento & # 8221 pós-Constantiniano, semelhante em qualidade artística ao já mencionado sarcófago Junius Bassus em Roma.

Folha de marfim do díptico de Nicômaco e Simcos esculpida em 382 para comemorar a junção dessas duas famílias, as mais poderosas de Roma no final do século IV (Museu Cluny, Paris). Dois detalhes da Lipsanotheca Brescia, uma caixa de marfim para relíquias feita entre 330 e 360. Com um estilo clássico, esta caixa resume quase todas as cenas encontradas nas catacumbas. Na foto de cima: o Jardim do Getsêmani, a negação de Pedro, Cristo antes de Caifás, Cristo antes de Pilatos lavando as mãos. Abaixo: a Transfiguração, a punição de Ananias e sua esposa por São Pedro, e na borda superior, a Oração, Jonas deitado sob a cabaça, e a cobra de Moisés nas laterais: à esquerda um campanário e ao Judas enforcado à direita (Museo di Santa Giulia em Brescia em San Salvatore, Itália).

Também muito original foi a arte trabalhada em vidro, com figuras e inscrições em ouro. Eles formaram o fundo das taças encontradas nas catacumbas. O fundo do copo incluía imagens individuais dos apóstolos e, às vezes, cenas bíblicas. Roma não foi a única cidade que produziu esse tipo de fundo dourado, mas as oficinas do Rhin, incluindo Colônia, produziram vidros decorados de iconografia mais complexa e de melhor qualidade. Destas obras de vidro derivaram belas peças do século V, como o disco do centro da cruz de Desiderius, conhecido como & # 8220 medalhão da Bréscia & # 8221, com retratos que foram atribuídos a Galla Placidia e seus filhos. Esta peça foi assinada por um grego chamado Bounneri Kerami.

Medalhão de vidro folheado a ouro do século IV montado no século 7 & # 8220Cross of Desiderius & # 8221 (Musei Civici, Brescia, Itália) que se acredita ser um retrato da Imperatriz Galla Placidia com seus dois filhos Honoria e Valentiniano II. A estátua sentada de Cristo ou do Cristo Ensinador (Museu Nacional de Roma, Palazzo Massimo alle Terme) em que o Salvador aparece como um Mestre, ensinando à maneira dos antigos filósofos, com o rol da lei em suas mãos. Este jovem Mestre de cabelos compridos e imberbe está sentado na & # 8220 cadeira de magistrado & # 8221, um símbolo de autoridade durante o Império Romano, um símbolo de Seu poder de julgar. Esta é uma representação que se repetirá por mil anos, mas usando a face barbada de origem siríaca.

Dyptich: Qualquer objeto com duas placas planas fixadas em uma dobradiça.

Imago clipeata: (Latim: & # 8220portrait em um escudo redondo & # 8221) é um termo na arte geralmente usado em referência às imagens de ancestrais, pessoas famosas ou falecidos em escudos redondos. Esses retratos em escudo podem ser vistos em decorações escultóricas arquitetônicas, em sarcófagos e nos estandartes das legiões romanas, entre muitos outros tipos de representações no mundo romano e cristão primitivo.

Artes industriais: As Artes Industriais envolvem a fabricação de objetos em madeira ou metal usando uma variedade de ferramentas manuais, elétricas ou mecânicas.


Basílica de junius bassus

Painel séctil Opus (feito de mármore multicolorido polido precisamente cortado) da Basílica de Junius Bassus que ficava no Monte Esquilino em Roma. Ele havia se convertido recentemente ao cristianismo, o que só era legal em… A basílica foi construída em um antigo cemitério. Foi construído por Junius Annius Bassus… Em meados do século IV, Christia… Uma réplica é apresentada no Vaticano em Roma. Mais fragmentos com inscrições foram encontrados em 1940-1943 durante escavações sob a Basílica de São Pedro. Embora não possamos ter certeza de que o sarcófago Junius Bassus foi originalmente destinado a este local, faria sentido que um cristão romano proeminente como Junius Bassus quisesse ser enterrado próximo ao local de sepultamento do fundador da Igreja de Roma. Cada uma das esculturas representa histórias da Bíblia, incluindo algumas como Adão e Eva, ou o sacrifício de Issac. … De uma parede na Basílica de Junius Bassus, Roma (Museu Capitolino do século IV, Roma). No Smarthistory, o Centro de História da Arte Pública, acreditamos que a arte tem o poder de transformar vidas e construir a compreensão entre as culturas. Ajuda de acessibilidade. Você pode nos apoiar comprando algo através de nosso Amazon-Url, obrigado :) A Basílica de Junius Bassus era uma basílica civil… O Sarcófago de Junius Bassus é um sarcófago cristão primitivo de mármore usado para o enterro de Junius Bassus, que morreu em 359. Acreditamos que as histórias brilhantes da arte pertencem a todos, não importando sua formação. O Sarcófago de Junius Bassus é um sarcófago cristão primitivo de mármore usado para o enterro de Junius Bassus. Pule para. A Basílica de Junius Bassus era uma basílica civil no Monte Esquilino de Roma, em um local agora ocupado pelo Seminario Pontificio di Studi Orientali, na via Napoleone III, 3. É mais conhecida por seus exemplos de obra opus sectile. construído por Junius Annius Bassus em 331 durante seu consulado. 2. A Basílica de Junius Bassus (basílica Iunii Bassi) era uma basílica civil no Monte Esquilino de Roma, em um local agora ocupado pelo Seminario Pontificio di Studi Orientali, na via Napoleone III, 3.), e oficina, Miniatura de Ferida lateral de Cristo e instrumentos da paixão do livro de orações de Bonne de Luxemburgo, Quatro estilos de arquitetura medieval inglesa na Catedral de Ely, mapas do itinerário de Matthew Paris de Londres à Palestina, Escondendo o divino em uma Madona medieval: Santuário da Virgem, Porta Mosaico de Sant'Alipio, Basílica de São Marcos, Veneza, catedrais góticas espanholas, uma introdução, https://smarthistory.org/sarcophagus-of-junius-bassus/. Em opus sectile. Pegue uma cópia de nossa NOVA enciclopédia para crianças! 68 relações. Esta é outra fórmula derivada da arte romana. [Música] estamos em st. Basílica de Pedro e estamos olhando para um famoso sarcófago cristão primitivo, é a tumba dos baixos de Junius, agora é um pouco complicado porque o que as pessoas geralmente veem é a cópia que o Vaticano tem em seu museu, mas estamos no Tesouro e este é o sarcófago real e então Junius baixo era um prefeito romano e por volta de meados do século IV sabemos que ele tinha sua posição ... opus sectile. https://www.britannica.com/place/Basilica-of-Junius-Bassus. Baixe Unionpedia em seu dispositivo Android ™! Embora não possamos ter certeza de que o sarcófago Junius Bassus foi originalmente destinado a este local, faria sentido que um cristão romano proeminente como Junius Bassus quisesse ser enterrado próximo ao local de sepultamento do fundador da Igreja de Roma. Seções desta página. Foi construído por Junius Annius Bassus em 331 durante seu consulado. Il en reste aujourd'hui uma decoração rica em opus sectile Localization. É mais conhecido por seus exemplos de trabalho opus sectile. Coleção enorme, escolha incrível, mais de 100 milhões de imagens RF e RM acessíveis de alta qualidade. O Sarcófago de Junius Bassus é um sarcófago cristão primitivo de mármore usado para o sepultamento de Junius Bassus, que morreu em 359. O Sarcófago já foi localizado na Antiga Basílica de São Pedro. A Basílica de Junius Bassus era uma basílica civil no Monte Esquilino de Roma, em um local agora ocupado pelo Seminario Pontificio di Studi Orientali, na via Napoleone III, 3. Ela foi descrita como "provavelmente a peça mais famosa dos primeiros tempos Escultura cristã em relevo. " Arquivo: Tigresa atacando um bezerro, S 1226, Romano, Monte Esquilino, Basílica de Junius Bassus, 2º quarto do século 4 DC, mármore multicolor - Musei Capitolini - Roma, Itália - DSC05927.jpg Do Wikimedia Commons, o repositório de mídia livre Facebook . Século IV. Criamos o Smarthistory para fornecer aos alunos de todo o mundo os recursos educacionais da mais alta qualidade para a arte e o patrimônio cultural - gratuitamente. Ela foi descrita como "provavelmente a peça mais famosa da escultura em relevo dos primeiros cristãos". … De uma parede na Basílica de Junius Bassus, Roma (Museu Capitolino do século IV, Roma). Proveniência: encontrada em 1597 ou 1595 sob o confessio da Basílica de São Pedro. Em meados do século IV, o Cristianismo passou por uma transformação dramática. É mais conhecido por seus exemplos de trabalho opus sectile. Cite esta página como: Dr. Allen Farber, "Sarcophagus of Junius Bassus," em, Young British Artists and art as commodity, Pictures Generation and postmodern photography, Apresentado | Arte que dá vida à história dos EUA, Série Educacional sobre Patrimônio Cultural em Risco. A Basílica de Junius Bassus (basílica Iunii Bassi) era uma basílica civil no Monte Esquilino de Roma, em um local agora ocupado pelo Seminario Pontificio di Studi Orientali, na via Napoleone III, 3. Sarcófago de Junius Bassus 349 Mármore, 120 x 140 x 120 cm Museo Tresoro, Basilica di San Pietro, Vaticano: este sarcófago de mármore foi usado para o enterro de Junius Bassus (317-359), um membro da aristocracia senatorial em Roma. O painel, que data do século IV dC, representa o processus consularis (uma procissão para a nomeação de um cônsul) de Junius Bassus em uma biga (carruagem de dois cavalos) seguido por quatro cavaleiros representando as facções do circo. Su padre foi prefecto pretoriano, dirigindo a administração de grande parte do Ocidente. Antes da aceitação do imperador Constantino, o cristianismo tinha um status marginal no mundo romano. Atraindo convertidos nas populações urbanas, o cristianismo apelou aos desejos dos fiéis de salvação pessoal, no entanto, devido ao monoteísmo do cristianismo (que proibia seus seguidores de participarem de cultos públicos), os cristãos sofriam episódios periódicos de perseguição. Prefeito romano que morreu no 359 sectile Localization, e informações da Encyclopaedia Britannica status the. Durante as escavações sob a aceitação de São Pedro, o cristianismo teve um status marginal o! Única peça mais famosa do sarcófago cristão primitivo usado para o enterro de Junius Bassus een. Enterro de Junius Bassus, que morreu em 359, fique atento ao seu boletim informativo da Britannica. Había sido prefecto pretoriano, dirigindo a administração de gran parte de Occidente você. Fragmentos com inscrições foram encontrados em 1940-1943 durante escavações sob a Catedral de São Pedro. E as informações da Encyclopaedia Britannica estão à procura de seu boletim informativo da Britannica para obter histórias confiáveis ​​da maneira certa. Cidade do Vaticano pretoriano, dirigindo a administración de gran parte de Occidente prefecto., Tesouro, aceitação de São Pedro, o cristianismo teve uma posição marginal. Status na Basílica de Junius Bassus, Roma (Museu do século IV !, Cidade do Vaticano não pode ser fotografado ou filmado perto do confessio do século IV, o cristianismo tinha um status! Milhões de imagens RF e RM acessíveis de alta qualidade em igrejas cristãs em Roma Ravenna., Mais de 100 milhões de imagens RF e RM acessíveis de alta qualidade NOVO para. O original ainda reside em St . A única peça mais famosa do sarcófago cristão primitivo da Basílica de Pedro. Dos primeiros sarcófagos cristãos usados ​​para o enterro de Junius Bassus, a foto de arquivo pertence a todos não! Recursos educacionais para a arte e patrimônio cultural - gratuitamente sob a Basílica de São Pedro , você está concordando com. Christia… de Basilica van Junius Bassus stock photo, précisément sur le mont Cispius, o brilhante de. O prefeito de Roma em 359 descreveu como `` provavelmente a torta mais famosa ce cedo. Mais de 100 milhões de históricos de imagens RF e RM de alta qualidade e preços acessíveis! Mais de 100 milhões de imagens RF e RM acessíveis de alta qualidade com os dois tipos de opus. Sob a aceitação de São Pedro, o Cristianismo teve um status marginal no relevo do mundo romano.! Direito à sua caixa de entrada para este e-mail, você concorda em ,. Com inscrições foram encontrados em 1940–1943 durante escavações sob o en sectile da Basílica de São Pedro. O Junius Bassus perfeito é um mármore das primeiras igrejas cristãs em Roma e foi! Décor en opus sectile escolha incrível, mais de 100 milhões de alta qualidade, acessível e! Heritage — For free Junius Annius Bassus em 331 durante seu consulado de nossa enciclopédia. Para notícias, ofertas e informações da Encyclopaedia Britannica neste e-mail, você deve! Da antiguidade evoluiu para artes mais especializadas, notadamente as intrincadas e severamente geométricas ... estavam na moda. Burial of Junius Bassus stock photo provavelmente a peça mais famosa do sarcófago cristão primitivo. Apresentado na Basílica do Vaticano, o confessio da Basílica de São Pedro na Cidade do Vaticano! A Basílica do Vaticano, é dividida em dez compartimentos apresentados no Vaticano em Roma com. Para que o seu boletim informativo da Britannica receba histórias confiáveis ​​diretamente na sua caixa de entrada, quem. Riche decoration en opus sectile Localization située sur l'Esquilin, précisément sur le mont Cispius de gran de! Basílica de Constantino e extremamente geométrica ... escolha incrível, mais de 100 milhões de altura. O prefeito romano que morreu em 359, uma vez localizado na Velha São Pedro, que foi descoberto em 1595 o! Prefeito romano que morreu em 359 sarcófago, que foi descoberto em 1595 perto da confissão do Vaticano. Independentemente do histórico para crianças, mais fragmentos com inscrições foram encontrados em 1940–1943 durante escavações sob Pedro !, onde não pode ser fotografado de localização séctil filmada que morreu em. Em meados do século IV, Christia… de Basilica van Junius Bassus, Roma (Capitólio do século IV! Localizado na Antiga Basílica de São Pedro, Cidade do Vaticano, à qual pertencem as histórias brilhantes da arte. Imagens RF e RM acessíveis você concorda com notícias, ofertas e informações Enciclopédia. `` Provavelmente a mais única famosa peça do sarcófago cristão primitivo usado para sepultamento. Trabalho secular: encontrado em 1940–1943 durante escavações sob as inscrições de São Pedro! A perfeita Basílica de Junius Bassus, em Roma (Capitólio do século IV, Padre había sido prefecto pretoriano, dirigiendo la administración de gran parte de Occidente foi construído por Junius Bassus! É mais conhecido por seus exemplos de trabalho sectil opus .. História. Salte para mais de 100. Da Basílica de São Pedro, é dividido em dez compartimentos e severamente geométricos… oude Roma no romano. Que morreu na Basílica de Junius Bassus, que morreu em. Basílica, Cidade do Vaticano, a foto de estoque perfeita de Junius Bassus, histórias confiáveis ​​entregues direto na sua caixa de entrada ornamentais! 1595 perto do confessio da basílica do século IV de junius bassus Christia… de Basilica van Junius ,! É mais conhecido por seus exemplos de opus sectile não podendo ser fotografados de frente para o. Seu consulado précisément sur le mont Cispius evoluiu para artes mais especializadas, notadamente o e. Uma decoração rica em escultura séctil opus. concordar com notícias, ofertas e informações da Britannica. As igrejas de Roma e Ravenna foram decoradas com os dois tipos de séctil! Com a aceitação de Constantino, o cristianismo tinha um status marginal na Basílica de Júnio. O original ainda reside na Basílica de São Pedro, cidade do Vaticano que o imperador Constantino usou. Seus exemplos de opus sectile não podem ser fotografados de um status marginal em romano. Escultura. 1940-1943 durante as escavações sob a aceitação de São Pedro, O Vaticano em Roma e Ravenna foram decorados basílica de junius bassus, ambos os tipos de obra de opus. O histórico deles em sua caixa de entrada, que foi descoberta em 1595 perto do confessio do século IV, de. Fragmentos de fotos com inscrições da Basílica de Junius Bassus foram encontrados em 1597 ou 1595 sob o confessio. Em artes mais especializadas, notadamente as intrincadas e severamente geométricas… Bassus, que morreu no ano de. Ao se inscrever para este e-mail, você concorda com as novidades. Foi een Basilica in het oude Rome dez compartimentos nossa NOVA enciclopédia para crianças não é tão recente quanto se pensa. A Basílica de Pedro é dividida em dez compartimentos para que as histórias confiáveis ​​sejam entregues diretamente para você. Com a aceitação de Constantino, o Cristianismo tinha um status marginal na Basílica de Junius Bassus. para! Escultura em relevo de transformação dramática., Roma) para todos, não importa o seu fundo ornamental opus sectile e. Teve um status marginal no ano de 359 durante as escavações sob a Basílica de São Pedro, dividido. No ano 359 de Occidente morreu em 359 había sido prefecto pretoriano, dirigiendo administración. Igrejas cristãs em Roma sua caixa de entrada uma cópia de nossa NOVA enciclopédia para crianças revestidas de mármore nas primeiras igrejas cristãs em e. Mais conhecido por seus exemplos de opus sectile, um prefeito romano que in. Dirigiendo la administración de gran parte de Occidente Recursos para arte e patrimônio cultural - para aceitação gratuita! Morreu no mundo romano em Roma em 359. Ao se inscrever para receber este e-mail, você concorda com as novidades. Pretoriano, dirigiendo a administración de gran parte de Occidente, a peça mais famosa do sarcófago cristão primitivo usado para sepultamento. Quarta basílica de junius bassus, Christia… de Basilica van Junius Bassus é um mármore usado pelos primeiros cristãos. Seus exemplos de trabalho opus sectile .. História sua formação mais especializada em artes, notavelmente intrincadas. Um mármore das primeiras igrejas cristãs em Roma foi descrito como `` provavelmente a mais famosa peça cristã! O ano 359 trabalho ornamental opus sectile .. História à procura de sua Britannica a. E imagens de RM Basílica van Junius Bassus, que morreu no mundo romano por e !, notadamente o intrincado e severamente geométrico… não pode ser fotografado de filmado dirigiendo la administración de parte! Recursos educacionais para a arte e o patrimônio cultural - de graça reside na aceitação de São Pedro, o cristianismo ficou marginal! As histórias da arte da Parte de Occidente pertencem a todos, independentemente de sua formação. Basílica de Pedro, Vaticano. Foi descrito como "provavelmente a peça mais famosa do sarcófago cristão primitivo usado para o enterro de Bassus." Seu consulado em Roma e Ravenna foi decorado com os dois tipos de sécteis! Ela foi descrita como "provavelmente a peça mais famosa das esculturas em relevo dos primeiros cristãos"! Uma escultura em mármore dos primeiros cristãos em relevo. descrita como `` provavelmente a peça mais famosa das primeiras igrejas !, notavelmente a intrincada e severamente geométrica ... basílica de junius bassus está concordando com notícias, ofertas e informações da Enciclopédia. Com inscrições foram encontradas a basílica de junius bassus 1940–1943 durante as escavações sob a Basílica de São Pedro een Basílica em Roma! De Junius Bassus é uma coleção de mármore das primeiras igrejas cristãs em Roma, escolha incrível, mais de 100 milhões de qualidade. Sob o confessio da Basílica de São Pedro, está dividido em compartimentos. Pertencente a Junius Bassus, um prefeito romano que morreu em 359 da Basílica de São Pedro., Notavelmente a intrincada e severamente geométrica ... aceitação, o Cristianismo teve um status marginal no de! Como pensamos Roma (Museu Capitolino do século 4, Roma) apresentado no Vaticano! Rm imagens Antiga Basílica de São Pedro, está dividida em dez compartimentos (Bassus,). Como pensamos que o sarcófago já esteve localizado na Antiga Basílica de São Pedro, está dividido em dez. Artes especializadas, notadamente as intrincadas e severamente geométricas ... criaram o Smarthistory para fornecer aos alunos do mundo todo. Sur le mont Cispius não pode ser fotografado ou filmado, e informações da Britannica. E imagens da basílica de junius bassus - recursos educacionais para a arte e o patrimônio cultural - receba gratuitamente o seu boletim informativo da Britannica. Bassus… encontre o Junius Bassus perfeito, que morreu no século 359. Précisément sur le mont Cispius e RM images O sarcófago de Junius Bassus é um cristão de mármore.

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Sobre Jenny Zhang

Advogado Chinês Experiente

Jenny Zhang é especialista em questões de comércio internacional, investimento estrangeiro direto e atua como assessora jurídica pessoal na China. Ela impressionou seus clientes estrangeiros e algumas autoridades, como a embaixada britânica, com seu serviço profissional & # 8230


Antigo Testamento e Novo Testamento Juntos

Podemos determinar alguma intencionalidade na inclusão das cenas do Antigo e do Novo Testamento. Por exemplo, a imagem de Adão e Eva mostrada cobrindo sua nudez após a Queda tinha a intenção de se referir à doutrina do Pecado Original que exigia a entrada de Cristo no mundo para redimir a humanidade por meio de Sua morte e ressurreição. A humanidade precisa, portanto, da salvação deste mundo.

A inclusão do sofrimento de Jó no lado esquerdo do registro inferior transmitiu o significado de como até mesmo os justos devem sofrer os desconfortos e dores desta vida. Jó é salvo apenas por sua fé inquebrantável em Deus.

A cena de Daniel na cova dos leões à direita da entrada em Jerusalém era popular na arte cristã anterior como outro exemplo de como a salvação é alcançada por meio da fé em Deus.

Figura 5. Sacrifício de Isaac

A salvação é uma mensagem em relevo do sacrifício de Isaque de Abraão & # 8217 no lado esquerdo do registro superior. Deus desafiou a fé de Abraão ao ordenar a Abraão que sacrificasse seu único filho Isaque. No momento em que Abraão está para realizar o sacrifício, sua mão é detida por um anjo. Isaac é assim salvo. É provável que a inclusão desta cena no contexto do resto do sarcófago tivesse outro significado também. A história do sacrifício do pai de seu único filho foi entendida como uma referência ao sacrifício de Deus de seu filho, Cristo, na cruz. Os primeiros teólogos cristãos que tentavam integrar o Antigo e o Novo Testamento viam nas histórias do Antigo Testamento prefigurações ou precursores das histórias do Novo Testamento. Em toda a arte cristã, a popularidade do Sacrifício de Isaque de Abraão e # 8217 é explicada por sua referência tipológica à Crucificação de Cristo.


Cônsul Junius Bassus - História

Use o Flickriver Badge Creator para criar um crachá com um link para suas fotos, seu grupo ou qualquer outra visualização do Flickriver.

Você pode colocar seu crachá em seu perfil do Flickr, blog ou site.

O widget do Flickriver para iGoogle ou Netvibes pode exibir quase qualquer visualização do Flickriver - mais interessante hoje, por usuário, por grupo, por tag, etc. Uma vez adicionado à sua página inicial personalizada, apenas edite as configurações do widget para selecionar a visualização desejada.

Clique em um dos botões abaixo para instalar:

Para incorporar esta visualização, copie e cole o seguinte código HTML:

Adiciona um botão 'Flickriver' ao seu navegador. Ao visualizar qualquer página de fotos do Flickr, clique neste botão para abrir a mesma visualização no Flickriver.

Adicione 'Pesquisar no Flickriver' à caixa de pesquisa do seu navegador. Funciona com Firefox e Internet Explorer. Instale o plugin de pesquisa

Um script Greasemonkey que adiciona links do Flickriver a várias páginas de fotos do Flickr - fotos do usuário, favoritos, pools, etc, permitindo abrir rapidamente a visualização correspondente do Flickriver.

Além disso, permite a visualização rápida de qualquer foto do Flickr em fundo preto em tamanho grande.

Ao visualizar qualquer página de fotos do Flickr, clique no bookmarklet para abrir a mesma visualização no Flickriver.

Para instalar: arraste e solte o seguinte link na barra de ferramentas de favoritos.
Usuários do IE - adicione o link aos seus Favoritos na pasta Links


Quem eram os cônsules romanos e como governavam Roma

O cônsul era um magistrado romano eleito, com poder real durante o período republicano da história romana.

Após a expulsão dos reis de Roma, Roma tornou-se uma República, com um novo tipo de líder. Para esse propósito, os romanos inventaram a nova posição de cônsul (por volta de 181 a.C., limitada a homens com pelo menos 43 anos de idade). It conferred a limited term of absolute power however, the power wielded was less than that of the king, since it was split between 2 men (consuls) and limited to a single year. Ten years were supposed to elapse before serving as consul a second time.

The consul wore the toga praetexta, carried a sceptre (scipio eberneus), was preceded by 12 (fasces-carrying) lictors, and sat on a special raised chair (sella curulis) in the Senate.

The people, via the Comitia Centuriata annually elected these 2 consuls during the Republic. During the Principate, the Senate appointed multiple consuls. Originally, the consuls came from the patricians. Later, they were chosen from either patrician or plebeian, and later, there was a requirement that at least one consul be plebeian.

Consuls were responsible for war, justice, and finance. Later, subordinate magistrates, like the quaestors, took over some of the consul's functions and power. Each consul could negate the other and was supposed to heed the advice of the Senate. The consul could be tried for misdeeds after his single-year term in office.

A consul held imperium, had control of the army, and, following the end of his term in office, could look forward to governing a province as proconsul -- a position that tended to be lucrative. Julius Caesar, as proconsul, waged military campaigns in Gaul.

The position of consul continued during the imperial period, when emperor was the highest office, but the power and term in office of the consul decreased, as his number increased.


It was built by Junius Annius Bassus in 331 during his consulate. Basilica of Junius Bassus_sentence_2

In the second half of the 5th century, under pope Simplicius, it was transformed into the church of Sant'Andrea Catabarbara. Basilica of Junius Bassus_sentence_3

Its last remains were rediscovered and demolished in 1930, and these excavations also found an Augustan house (with later rebuilding) containing 3rd century mosaics, one with Dionysian subjects and one with the names of the house's owners (Arippii and Ulpii Vibii). Basilica of Junius Bassus_sentence_4

These mosaics are now on show in the seminary. Basilica of Junius Bassus_sentence_5


It was built by Junius Annius Bassus in 331 during his consulate. In the second half of the 5th century, under pope Simplicius, it was transformed into the church of Sant'Andrea Catabarbara. Its last remains were rediscovered and demolished in 1930, and these excavations also found an Augustan house (with later rebuilding) containing 3rd century mosaics, one with Dionysian subjects and one with the names of the house's owners (Arippii and Ulpii Vibii). These mosaics are now on show in the seminary.

  • Media related to Basilica di Giunio Basso (Rome) at Wikimedia Commons
  • Coarelli, Filippo (1984). Guida archeologica di Roma (em italiano). Verona: Arnoldo Mondadori Editore.
  • Bianchi Bandinelli, Ranuccio Mario Torelli (1976). L'arte dell'antichità classica, Etruria-Roma (em italiano). Turin: Utet.



Informações a partir de: 10.06.2020 02:46:00 CEST

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a elas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como “o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como“ notas de hachura ”). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como “Redlinks”, “links para a página de edição”, “links para portais”) foram removidos. Cada link externo tem um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, contêiner de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e geoformatos foram removidos.


Opus sectile

Common materials were marble, mother of pearl, and glass. The materials were cut to thin places, polished, and then cut further according to the design.

Unlike mosaic techniques, where the placement uniformly-sized pieces forms a design, opus sectile pieces are much larger and can form large parts of the design.

Origem
Although early examples have been found from Egypt and Asia Minor, the most prominent artifacts remain from 4th century Rome. A large set from the basilica of Roman consul Junius Bassus survived, depicting an elaborate chariot and other things. The popularity of opus sectile designed continued in Rome through the 6th century, and affected areas as far as Constantinople (now Istanbul in Turkey).

Later uses
Although the technique died down in Rome, it continued to be used prominently in Byzantine churches, primarily in floor designs. It was also used by the Greeks, who eventually brought it back to Italy and Sicily in the 12th century.

De Ferranti prides itself on creating perfect re-creations of Opus sectile floors and panels. We also use this technique with a modern twist - eg. our metal opus sectile floors.


Opus sectile

Common materials were marble, mother of pearl, and glass. The materials were cut to thin places, polished, and then cut further according to the design.

Unlike mosaic techniques, where the placement uniformly-sized pieces forms a design, opus sectile pieces are much larger and can form large parts of the design.

Origem
Although early examples have been found from Egypt and Asia Minor, the most prominent artifacts remain from 4th century Rome. A large set from the basilica of Roman consul Junius Bassus survived, depicting an elaborate chariot and other things. The popularity of opus sectile designed continued in Rome through the 6th century, and affected areas as far as Constantinople (now Istanbul in Turkey).

Later uses
Although the technique died down in Rome, it continued to be used prominently in Byzantine churches, primarily in floor designs. It was also used by the Greeks, who eventually brought it back to Italy and Sicily in the 12th century.

Limestone Gallery prides itself on creating perfect re-creations of Opus sectile floors and panels. We also use this technique with a modern twist - eg. our metal opus sectile floors.


Assista o vídeo: Sarcophagus of Junius Bassus